Menu                            Início > Área: Obras









  Área: Obras



Tratado da Sphera

Esta importante obra publicada em português, em 1537, foi dedicada ao infante D. Luís e foi impressa em Lisboa na oficina de Germão Galharde.
O Tratado da Sphera integra:

três obras traduzidas do latim e anotadas por Pedro Nunes:

- Tratado da Esfera do monge inglês Sacrobosco
- Teoria do Sol e da Lua de Purbachio
- Livro I da Geografia de Ptolomeu

duas obras originais de Pedro Nunes:

- Tratado em defensam da carta de marear
- Tratado sobre certas dúvidas de navegação

um Epigrama:

- Epigrama dedicado a Pedro Nunes, em latim, da autoria de Jorge Coelho.
- Dedicatória ao Infante D. Luís

- Alvará Régio
in Pedro Nunes, Obras, Vol.I, Tratado da Sphera & Astronomici, Introducuctiorii de Spaera Epitome, Imprensa Nacional Casa da Moeda.



De Crepusculis

Esta obra publicada em latim, em 1542, foi dedicada ao Rei D. João III. De Crepusculis é considerada a obra prima de Pedro Nunes. É um tratado de Astronomia esférica e resolve o problema da determinação da duração dos crepúsculos para um dado lugar da Terra e para uma determinada posição do Sol. Determina a duração do crepúsculo e a solução do problema de menor crepúsculo, isto é, encontra o dia em que este valor é mínimo, num certo ponto da Terra. É nesta obra que Pedro Nunes propõe construir um instrumento que seja muito apropriado às observações dos astros, e com o qual se possam determinar rigorosamente as respectivas alturas. Este instrumento foi designado por nónio ou nonius.

- Dedicatória a El Rey D. João III

- Opiniões

- Edições



De Erratis Orontii Finaei

Esta obra foi publicada em Coimbra no ano de 1546.
Pedro Nunes refuta os erros que Orôncio Fineu cometeu quando considerou ter resolvido cinco importantes problemas matemáticos, na sua obra O Quadratura Circuli em 1543. Orôncio Fineu era lente de Matemáticas no Colégio Real de Paris e Pedro Nunes ocupava cargo idêntico na Universidade de Coimbra.


Pedro Nunes, para além da refutação das posições defendidas por Orôncio Fineu, aborda, nesta obra, a descoberta de Platão para achar os dois meios proporcionais e duplicar o cubo, a demonstração que Arquimedes fez acerca da razão entre a circunferência e o seu diâmetro, a explicação das definições do livro V dos Elementos de Euclides e a razão porque a partir do movimento da Lua se conclui a diferença de longitude dos lugares. Trata a construção e uso do relógio nocturno, vertical e horizontal que foram mal concebidos por Orôncio Fineu.

- Edições

- Ao leitor, de Pedro Nunes

- Introdução



Libro de Algebra

Esta obra publicada em castelhano no ano de 1567, em Anvers, é dedicada ao Cardeal Infante D. Henrique.
É um tratado de Álgebra constituído por três partes distintas. Pedro Nunes preocupa-se com a determinação de uma quantidade desconhecida e estabelece regras de operacionalidade que demonstra cuidadosamente. Estuda o cálculo algébrico e as operações com polinómios. Por fim explicita métodos necessários à resolução de equações do 1º grau, 2º grau e 3º grau.
Pedro Nunes preocupa-se com o rigor e a clarividência dos conceitos que introduz e a justificação das regras que utiliza
Terá havido uma única edição, mas com duas marcas tipográficas diferentes, uma vez que existem livros com a marca tipográfica de Arnoldo Birckman e outros com a marca de João Steelsius.

- Dedicatória ao Cardeal Infante D. Henrique

- Opiniões

Imprimir

    ©2002-2017 Ciência Viva